PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Segunda-Feira, 24 de Junho de 2019, 09h:26
Tamanho do texto A - A+
CIDADES
ENTREVISTA DA SEMANA Twitter

Alex Passos: “Avançamos na revitalização das unidades escolares, já foram mais de 20 unidades reconstruídas”

Por: Redação

Notícia Max

 

Esta semana o secretário municipal de Educação, Alex Vieira passos, fala ao Notícia Max sobre os avanços do setor em Cuiabá, os investimentos que estão transformando a vida de pais e estudantes, e anuncia a primeira escola municipal em tempo integral, que entra em funcionamento em julho, no bairro Jardim Eldorado.

 

Notícia Max - Quais os principais avanços da Gestão Emanuel Pinheiro no setor educacional?

 

Alex Vieira Passos – São vários. Nesses últimos dois anos a Secretaria está entre as que mais avançaram na gestão do prefeito. Mas elencando algumas, avançamos muito na questão didático pedagógico e estrutural.

 

Pela primeira vez, a Secretaria de Educação de Cuiabá adotou alguns materiais didáticos e pedagógicos de nível nacional, e isso nunca existiu em Cuiabá. Hoje nós estamos assistidos por materiais de grande porte como de Augusto Cury, como o Sobral que é o Escola Aprender, que é o Sobral que em dez anos saiu de último para primeiro lugar no Ideb, é a mesma metodologia de ensino que estamos fazendo lá, e também a Prova Brasil, ou seja, são três editoras de grande porte que adotamos como material pedagógico.

 

E quando falamos de material pedagógico ele avança um pouco mais, ele vai de material pedagógico para assistência aos professores, a capacitação profissional, trabalha dentro da casa dos pais, ele entra dentro da casa dos alunos para trazer os pais para dentro das escolas, ou seja, todo um complexo que envolve o material didático. O material de ensino de qualidade, desde a metodologia de ensino, desde a formação e capacitação profissional e isso no ponto de vista didático e pedagógico.

 

No ponto de vista estrutural, assumimos com uma rede depredada, com problemas, faltando mais de 66 escolas que chovem dentro delas atualmente, dezenas de escolas sem qualquer manutenção predial nos últimos seis ou sete anos, ou seja, avançamos ali em vários aspectos de infraestrutura. Um programa de telhado, que é a troca de 60 telhados, que a licitação já está para acontecer, com um investimento na casa dos R$ 30 milhões nos próximos três anos.

 

Avançamos também em um programa de revitalização das unidades escolares, já foram mais de 20 unidades totalmente reconstruídas e lançamos também a reconstrução total, pois uma coisa é a reforma e outra a reconstrução total, de dez unidades e já estamos na quinta unidade. Ou seja, esse olhar da gestão Emanuel Pinheiro na questão estrutural.

 

Notícia Max – A Prefeitura também está com um projeto de climatização das escolas, com instalação de ar condicionado. Como está esse trabalho?

 

Alex Vieira Passos - O aluno precisa desse ambiente lúdico, aconchegante e isso envolveu o lançamento do programa climatizar é humanizar, que as escolas só tinham 30% e ar condicionado, nós pulamos para 70% e a proposta do prefeito é que até o final da gestão climatizar 100% das unidades escolares.

 

Notícia Max - Quanto à distribuição dos kits escolares, como está esse trabalho, todos os alunos foram beneficiados?

 

Alex Vieira Passos – Isso parece até uma coisa simples, mas aumenta a auto-estima da criança. O kit tem desde tênis, mochila, camiseta, short, ou seja, foi entregue aí para rede, cada um na sua devida idade, que obviamente não entregamos mochila para um aluno maior, eles não usam, mas para de zero a oito anos, todos foram entregues os kits completos e o kit parcial entregamos de nove a 14 anos.

 

Notícia Max – O prefeito Emanuel Pinheiro entregou o primeiro Centro Educacional Infantil Cuiabano (CEIC) da rede municipal de Ensino, há previsão para novos CEICs e qual a diferença no atendimento em relação as tradicionais creches?

 

Alex Vieira Passos – Esse é um programa que é a ampliação do gargalo de zero a três anos que nós temos hoje, uma demanda de cinco mil na lista de espera, e além dos CMEIs que vêm para atender e não são suficientes, e lançamos o primeiro CEIC que é uma modalidade cuiabana.

 

O atendimento dele é que hoje as creches não atendem de zero a dois anos, então estamos revitalizando as creches para os CEIC e com isso vai começar a atender de zero, um e dois anos, vai ganhar uma coordenadora pedagógica que as creches não têm, tendo apenas diretora, e vai ganhar a revitalização geral. Essa é a nossa proposta do CEIC que é um padrão extremamente nosso.

 

Notícia Max - A atual gestão fez um grande investimento na construção e reforma das unidades de ensino. Como está esse trabalho? 

 

Alex Vieira Passos – Exatamente, não só na parte de infraestrutura, mas também de equipamentos. Nós liberamos nesses dois anos de gestão mais de R$ 3,5 milhões em equipamentos para as escolas. Mobiliários novos, carteiras, televisão, computadores, isso na parte de infraestrutura de equipamentos. E na parte de reforma já investimos mais de R$ 20 milhões e o programa é nos próximos quatro anos mais R$ 30 milhões em reforma.

 

Sabemos que têm muitas escolas em situação complicada, mas é um retrato das escolas de 1980, 1990. Estamos passando desde uma padronização em bibliotecas, pois estamos reformando todas as bibliotecas também, ou seja, a preparação do ambiente escolar, quadras poliesportivas, já inauguramos cinco quadras, também entregamos seis novos CEMEIs e estamos em construção de mais seis novos CEMEIs e se tudo der certo até o final da gestão entregaremos 12 novos CEMEIs, e com um detalhe, sem ajuda do Governo Federal, pois o Governo Federal cortou a verba esse ano.

 

Notícia Max - Os investimentos no setor educacional passam também pela qualificação dos profissionais? 

 

Alex Vieira Passos – Então, começamos a questão da capacitação dos professores, com um grande programa de capacitação para chegarmos no final do ano que vem e termos os índices de alfabetização maior, porque já superamos 2017, 2018 e vamos superar também em 2020.

 

São dois parâmetros que a educação coloca, que é o índice de alfabetização e o índice do Ideb que é  o quinto e o nono ano. São os dois índices que medem, vamos dizer assim, a educação infantil. O índice educacional é parametrizado por isso.

 

Por outro lado também a valorização do profissional, no meio de tanta crise o prefeito concedeu no ano passado a RGA e aumento real, já pelo segundo ano consecutivo, estamos em negociação para o terceiro ano consecutivo desses aumentos, e estamos sem nada de licença prêmio. Quando assumimos tinha três anos de licença prêmio, elevação de nível, retroativo, e colocamos em dia, então esse é o aspecto da educação.

 

Notícia Max – E há projeto para instalação da escola em tempo integral na rede municipal de ensino?

 

Alex Vieira Passos – Sim, vamos lançar a primeira escola em tempo integral no CAIC Eldorado no mês que vem. Será uma escola modelo, de tempo integral, ali é uma escola grande, antiga, nós reformamos e lá dentro vai ter desde a parte médica, odonto, segurança pública, a Polícia Militar já está lá dentro com um posto avançado, Procon. Porque para atender a comunidade, então além dos alunos que vão ter a assistência da parte educacional oito horas por dia, com esporte, está bem avançado o programa e vai marcar a gestão do prefeito Emanuel Pinheiro.

 

Notícia Max – Está se tornando comum a violência dentro das escolas. Como essa questão é combatida pela Secretaria de Educação?

 

Alex Vieira Passos – Hoje temos toda uma campanha de conscientização, temos um trabalho de prevenção, inclusive agora lançamos o programa do bullying nas escolas, um programa avançado, arrojado, para levar para dentro das escolas, dentro das famílias, para levar o conhecimento do bullying, o que são os aspectos do bullying.

 

Hoje recebi o telefonema do procurador Paulo Prado, o Ministério Público quer abraçar o programa de violência,  bullying e racismo, aí eles ampliam para outros temas. Eles querem apoiar o programa, que na verdade é um programa com material didático, que inclusive é do Augusto Cury, é a equipe dele que coordena  tudo que ensina a abordagem. Vai ter uma marcha agora com mais de 800 alunos para alertar a comunidade sobre a questão do bullying, que já foi identificado que é com platéia, ele só acontece quando existe platéia, quando existe aquela pessoa que contempla a pessoa que faz, a passiva e ativa, então temos que quebrar isso, muitas vezes o impulso do adolescente, da criança, é em fazer ok, mas o que temos que quebrar é quem bate palma, que são os amigos, as amigas, e na hora que ele virar falar que isso é feio, aí o outro fica sem graça e não acontece mais.

 

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 187 Julho de 2019

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados