PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Terça-Feira, 15 de Outubro de 2019, 15h:31
Tamanho do texto A - A+
CIDADES
DIA DO PROFESSOR Twitter

Prefeito de Cuiabá homenageia os professores e destaca avanços

Por: Redação

Jorge Pinho

 

Na rede pública municipal de Ensino de Cuiabá cerca de 3 mil professores estão em sala de aula atendendo mais de 52 mil alunos, da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos. Na data em que é comemorado o Dia do Professor, 15 de outubro, a gestão Emanuel Pinheiro destaca a importância desse profissional para o desenvolvimento da sociedade cuiabana e destaca algumas ações que valorizam e dão suporte ao trabalho destes importantes profissionais.

 

Investir firmemente na formação continuada dos profissionais, na melhoria da estrutura física das unidades e na valorização do trabalho realizado em sala de aula são algumas das metas da gestão municipal e alguns dos ganhos mais significativos da atual gestão foi, após 8 anos engavetado, a revisão e finalização da nova lei orgânica da categoria, e os ganhos reais obtidos deste o início da atual gestão estão fazendo da capital mato-grossense um exemplo na Educação. Cuiabá é a capital brasileira com o terceiro melhor salário base da categoria. Somados os 3,31% de recomposição salarial, implantados em julho, mas os 3,70% de ganho real, os servidores da Educação terão 7% de reajuste total. Respeitando a lei de Responsabilidade Fiscal e os alertas do Tribunal de Contas de Mato Grosso, o percentual de ganho real será incorporado aos salários dos profissionais no mês de fevereiro de 2020.

 

“Nossa preocupação não é só melhorar e atualizar os conhecimentos desses profissionais, aprimorando a didática aplicada em sala de aula, mas também nos preocupamos em valorizar esse profissional reconhecendo o seu esforço e dedicação em sala de aula. Por isso somos uma gestão humanizada, voltada e para as pessoas”, destacou o prefeito Emanuel Pinheiro.

 

Entre os ganhos proporcionados pela nova Lei Orgânica está a valorização do tempo disponível dos profissionais. A partir da aprovação do novo Plano de Cargo Carreira e Salário (PCCS) o profissional passará a trabalhar 23h sendo 16 delas em sala de aula e 7 dedicadas à formação. Além disso, estão sendo implementados programas voltados a qualidade de vida e outras ações como a manutenção dos trâmites normais dos processos de licenças-prêmios, atualmente sem nenhum registro de pendências, e das elevações de nível cujos pagamentos estão regularizados.

 

“Ao valorizarmos os professores estamos dando um grande passo para tornar a Educação em Cuiabá uma referência para o estado e para o país, estamos dando um exemplo poderoso para todas as pessoas que precisam entender valorizar e respeitar esses profissionais”, salientou o secretário de Educação de Cuiabá, Alex Vieira Passos.  

 

Depoimentos

 

“Os nossos estudantes hoje precisam de um professor como referência, como pessoa, como ser humano que ofereça todo apoio, para que ele possa estar inserido na sociedade. É aí que começa a formação de cada um, do caráter, a forma social e a educação visando transformar cada um em um cidadão”, Marilene de Souza Carvalho – professora há 38 anos.

 

“Qualquer profissional, para se formar, precisa passar por vários professores, ele faz parte da vida do profissional, muito mais o conteúdo que ele ensina, a responsabilidade, ética, ele faz parte da vida de qualquer cidadão.” Wiliam Ortega Ferreira, professor há 19 anos.

 

“Ser professor é uma arte, ser professor é um dom, é ter a vocação pra liderar pessoas diversas e, acima de tudo, a gente colaborar enquanto cidadão, para despertar pessoas atuantes na sociedade, não ficamos somente com os conteúdos dos livros, mas acima de tudo, é formação e valorização do ser humano, pertencente a uma sociedade que está em constante transformação”, Edmilson Marques de Moraes, professor da rede há 20 anos.

 

“Os professores tiveram e tem um papel o importante. É através deles que as crianças aprendem ampliam o olhar sobre o outro e sobre o mundo, reveem conceitos, são questionados e incitados a exercitar a cidadania, é um processo que começa fora da escola, mas a escola aperfeiçoa, então o professor é um elemento principal nisso”, Eliane Quinhone, há 28 anos ensinando.

 

“Nós temos um compromisso intrasferível, que é o de trabalhar com uma geração, que está em formação, portanto este é um propósito de cidadania, que o professor pratica com o aluno, por isso a importância de ser valorizado”, professor Gilberto Fraga é professor da rede há 40 anos.

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 205 Novembro de 2019

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados