logo
Igreja Batista Getsemâni

Prefeitura projeta entrega de seis obras da saúde até o final do ano

Redação

Reprodução

 

A Prefeitura de Cuiabá atua na finalização de 30 frentes de trabalho em estruturações, reformas, ampliações e novas obras, avançando com o planejamento de reestruturação da Atenção Básica, com foco nos atendimentos em saúde preventiva nos bairros carentes, onde está a população que mais precisa da atenção do poder público.

 

Pelo menos seis obras de saúde em fase de finalização serão entregues para a população de Cuiabá ainda este ano, entre elas, a Unidade Básica de Saúde (UBS) Residencial Santa Terezinha/Itapajé, o Centro de Saúde do Novo Terceiro, Centro de Saúde do Grande Terceiro e UPA Verdão, que é uma das obras mais esperadas pela população e que começará a funcionar com uma capacidade de atendimento de cerca de 12 mil pessoas por mês.

 

Na semana passada, o prefeito Emanuel Pinheiro entregou o Programa de Saúde da Família (PSF) Despraiado I e II, que beneficiará mais de 12 mil pessoas e que faz parte do pacote de 67 obras que estavam paralisadas ou não iniciadas em gestões anteriores, teve os serviços conduzidos pela Secretaria Municipal de Saúde. Ele foi entregue totalmente equipado, com novas mobílias, climatizado em todos os ambientes e conta com duas equipes de saúde odontológica.

 

“O foco da nossa gestão é de todos os quase 700 mil cuiabanos, sobretudo, daqueles que dependem exclusivamente do poder público para ter uma vida saudável e digna. Por isso, estamos entregando mais essa unidade de saúde totalmente reformada e ampliada e, assim, vamos avançando no compromisso de reestruturar a Atenção Básica e transformar os 85 centros de saúde da Capital, que estavam totalmente insalubres, em ambientes mais humanizados para a população cuiabana”, frisou Pinheiro.

 

Já o secretário municipal de Saúde, Luiz Antonio Pôssas de Carvalho,  ressalta que a saúde pública está melhorando, e que com a entrega do HMC as atenções serão concentradas na atenção básica.

 

“A saúde pública está melhorando. Ainda não chegamos ao que a população cuiabana merece, mas vamos chegar lá, se Deus quiser, até dezembro de 2020, no final desta gestão. Depois que o HMC for entregue 100%, a Secretaria Municipal de Saúde se voltará completamente para a Atenção Básica. Estaremos preparando e implementando um novo modelo de saúde preventiva para a população, onde até o fim deste mandato teremos pelo menos mais 20 unidades totalmente reformadas e ampliadas, com a parte odontológica em todas elas. Além disso, teremos uma urgência e emergência com fluxo totalmente redefinido para melhor acolher o cidadão com o HMC e as novas UPAs, Verdão e Leblon”, finalizou o secretário.

 


Fonte: Notícia Max

Visite o website: www.noticiamax.com.br