PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sexta-Feira, 13 de Dezembro de 2019, 09h:09
Tamanho do texto A - A+
CIDADES
INTERIORIZAÇÃO DA GESTÃO Twitter

Comissão do MP faz balanço e anuncia retomada do projeto em fevereiro

Por: Redação

MPMT

 

A partir de fevereiro do próximo ano, a Comissão de Apoio Institucional do Ministério Público do Estado de Mato Grosso retomará as reuniões nos municípios polos para dar sequência ao projeto de interiorização da gestão. Entre as novidades que serão levadas às Promotorias de Justiça estão o curso de gestão documental, demanda coletiva apresentada na primeira etapa de reuniões, e rodas de conversa sobre comunicação não-violenta com membros e servidores. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (12), em Cuiabá, durante a última reunião realizada pela Comissão de Apoio Institucional com os representantes dos polos.

 

No encontro também foi apresentado um balanço das ações realizadas pela atual gestão. O secretário-geral do MPMT, promotor de Justiça Milton Mattos da Silveira Neto, falou sobre a modernização dos atos administrativos. Citou como exemplos as regulamentações relacionadas às atribuições dos coordenadores das Promotorias de Justiça, virtualização dos relatórios de viagens e a normatização dos casos previstos para utilização da aeronave disponibilizada por meio de convênio assinado entre o MPMT e Ciopaer (Centro Integrado de Operações Aéreas, da Polícia Militar).

 

A promotora de Justiça auxiliar do procurador-geral de Justiça, Claire Vogel Dutra, apresentou as principais aquisições realizadas durante o ano. A licitação para a construção da nova sede das Promotorias de Justiça de Várzea Grande foi um dos itens destacados. Também foi anunciado aos representantes dos polos a conclusão da aquisição dos detectores de metais para segurança nos prédios das Promotorias de Justiça. O ato administrativo que disciplinará o uso desses equipamentos está sendo elaborado. A previsão é que até fevereiro os detectores já estejam sendo utilizados.

 

“O projeto de interiorização da gestão teve um saldo bastante positivo em 2019. Foi uma iniciativa acertada que não terá mais volta. É muito gratificante perceber que membros da capital e interior do estado estão participando ativamente da gestão, contribuindo para um Ministério Público cada vez mais eficiente e mais próximo da sociedade”, finalizou o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira.

 

Participaram da reunião os promotores de Justiça representantes dos polos de Cuiabá,  Elisamara Sigles Vodonós Portela; de Cáceres, Augusto Lopes dos Santos; de Rondonópolis, Augusto Cesar Fuzaro; de Sorriso, Márcio Florestan Berestinas, e de Tangará da Serra, Thiago Scarpellini Vieira.

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 210 Dezembro de 2019 ( EDIÇÃO ESPECIAL

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados