PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Terça-Feira, 13 de Agosto de 2019, 15h:47
Tamanho do texto A - A+
CIDADES
PASSAR BENS Twitter

Dom Wagner abre "castelo" para equipe do Notícia Max

Por: Rayane Alves

A equipe do Notícia Max foi recebida na última sexta-feira (9), no castelo do digital influencer Wagner Wilton do Carmo, popularmente conhecido como "Dom Wagner", em Poconé (104 km ao sul de Cuiabá).

 

O papo foi descontraído e a partir de agora você internauta poderá conhecer um pouco mais desse morador ilustre que acabou conquistando os mato-grossenses e ganhando espaços nos principais veículos de comunicação. Veja vídeo completo no final da reportagem.

 

Itiki San

Dom Wagner

 

Notícia Max- Quem é Dom Wagner?

 

Dom Wagner - Eu sou Wagner Wilton do Carmo, tenho 39 anos. Nasci em Cuiabá no dia 19 de agosto de 1979. E, com tempo mudamos para Poconé e estamos há 40 anos, na cidade maravilhosa e boa. Morei no bairro Cristo Rei por pouco tempo. Depois de nascer, acabamos mudando para Poconé.

 

Notícia Max- Quem são seus pais? Irmãos?

 

Dom Wagner - Minha mãe é a dona Heide do Carmo. Já meu pai Tarcilo do Carmo. A união dos dois trouxe eu e minha irmã Darciana do Carmo, que mora em Cuiabá até hoje e atualmente atua como enfermeira em um hospital da Capital.

 

Minha mãe ela é manicure tem um salão e meu pai é pintor. Os dois continuam vivos até hoje e moram aqui perto de mim. Melhor pais do mundo.

 

Notícia Max- O que o senhor fazia antes da fama?

 

Dom Wagner – Eu já trabalhei tanto baixinha que vou para você algum dos lugares que eu já atuei só para que as pessoas entendam a posição que ocupo aqui hoje.

 

Olha aqui nega eu já trabalhei no cachorro quente, garimpo, lava-jato, vendi refresco e picolé, vendi bolos de arroz e continuo vendendo para a minha avó. Minha avó faz um bolo de arroz e ela vende no domingo. Quando acordo por volta das 9h ou 10h eu acordo para ir lá tomar bênção dela. Se ainda tem bolo lá ainda e não vendeu tudo eu pego o bolo coloco na minha caminhonete e saio vendendo para ela.

 

As pessoas muitas vezes acha que eu sou milionário. Não sou. Eu sou essa vida que você está vendo aqui. Você está me entendendo? O barulho meu que é grande. O barulho o povo acha que eu sou alguma coisa. Tem muito dinheiro. Eu sou felicidade bebê.

 

Notícia Max – Desses trabalhos que o senhor realizou, qual deles te chamou mais atenção? O que marcou mais a sua infância?

 

Dom Wagner - Eu comecei a trabalhar desde os 12 anos. É, por isso que eu cresci na vida. Eu não gasto meu dinheiro a toa. Eu não uso bebida alcoólica, não fumo, eu não uso drogas. Então eu preciso crescer. Se vocês fazerem o que eu faço vocês vão crescer.

 

O que me marcou mais foi no garimpo. Eu trabalhava das 6h às 18h. Era bruto demais. Nunca vou esquecer. Meus pais sempre foram humildes. Acordavam cedo e iam trabalhar. Eu também ajudava a pagar as contas com o que eu ganhava. Somos pobres. Até hoje cara, nós somos pobres.

 

Até hoje a gente trabalha. Se nós não trabalharmos a gente não vai ter nada.

 

Notícia Max – E o que te fez entender que essa simplicidade, humildade, pessoa trabalhadora iria chamar atenção nas redes sociais. Poconé é uma cidade pequena, poucos moradores. E, hoje você é um morador ilustre. O que te fez entrar nesse meio digital ?

 

Dom Wagner – Eu jogava sinuca aqui no bairro do meu amigo José Petra. Um amigo muito querido meu. E, lá eu brincava aqui quem tá falando é o Dom Wagner, Rei do pacote e tal. E o jogo ia rolando e acabava matando uma bola difícil eu comemora que eu era o Rei do Pacote. O jargão foi pegando e explodiu e deu o que ai se ta entendendo?

 

Notícia Max- E o passar benz? Rei do Pacote? Desculpa ai bebê? Porque esses?

 

Dom Wagner - Foi crescendo, crescendo. Eu via meus amigos bem vestido aqueles que tinham mais condição. E, passei a pensar comigo. Eu também posso vestir bem. Vou trabalhar para que isso aconteça. Relógio chique, corrente.

 

Essas palavras me ajudaram a ter uma vida melhor graças a Deus. Eu tenho uma esposa que me ajuda bastante. Mara Dalila, que uma excelente manicure.

 

Um dos meus filhos trabalha com limpeza e manutenção de ar-condicionado e tem um que trabalha em uma lanchonete. Só o mais novo que ele é mais “devagarzão”. Ele não tem idade para atuar não na profissão, mas ajuda em casa. Todos estão sendo instruídos para chegar aonde cheguei. Comecei cedo.

 

Notícia Max – Lembra do primeiro vídeo que foi a explosão? Sabia atualizar o Instagram?

 

Dom Wagner - Eu nem fazia ideia. Meu telefone era simples. Um amigo meu que fez para mim a conta e agradeço muito ele.

 

Comecei a atualizar e pegando ritmo. E, agora explodiu. Esse vídeo mesmo que eu estou fazendo com você aqui agora, você vai ver a polêmica que vai dar.

 

Notícia Max - Qual celular senhor tem hoje?

 

Dom Wagner – Eu tenho um o iPhone XS Max que foi apreendido. Um telefone que custa uns R$ 7 mil. Comprei tudo certo com nota fiscal.

 

Notícia Max – Como é sua rotina de trabalho? E visitas de amigos?

 

Dom Wagner – Eu trabalho de segunda a domingo. Minha casa é sempre aberta. Todos os vizinhos aqui gostam de mim. Eu sou muito querido graças a Deus.

Minha casa para qualquer pessoa está aberta. Nada a esconder. Eu sou a felicidade bebê.

 

Mas, sobre meu trabalho eu vendo e compro carros. O que acontece saio cedo de casa vou nas pessoas que tem carros a venda e depois atendo quem tem interesse.

 

Eu estou meio parado esses dias porque meu telefone foi apreendido. E não tenho como falar muito. Tenho um Toyota Corolla 2018 de que eu comprei ele por R$ 80 mil, mas eu vou vender ele por R$ 90 mil. Vou ganhar R$ 10 mil.

 

No dia que os policiais vieram aqui checaram ele. Está em meu nome e o melhor regularizado.

 

Esses R$ 10 mil de lucro, por exemplo, eu não vou gastar ele a toa. Por isso, que cresci e montei meu próprio negócio. Consigo atender todo público de A a Z.

 

Notícia Max- O diferencial está na questão de administrar o próprio negócio?

 

Dom Wagner – Claro.

 

Notícia Max –Dom Wagner agora o assunto será um pouco mais polêmico. Praticamente todos os sites noticiaram que o senhora foi preso. No final foi constatado que foi busca e apreensão dentro da sua casa. Então queria saber como foi esse dia? Como foi tratado pela polícia? Foi preso? Prestou esclarecimentos?

 

Dom Wagner – Não fui preso. Eles vieram aqui com busca e apreensão apenas da minha arma. Eles chegaram por volta das 6h, me chamaram no portão da minha casa eu abri. E revistaram tudo aqui abri a porta. E fui tudo numa boa. Só apreenderam a minha arma e todos os celulares.

 

Notícia Max- O dinheiro e a fortuna que o senhor conquistou com muito trabalho. Ele tem incomodado as pessoas? É inveja?

 

Dom Wagner – Acho que sim. Só comenta isso. As pessoas querem saber da onde vem o dinheiro. Meu dinheiro é certo. Se eu fosse um cara errado todos esses barulhos que eu faço eu já teria sido preso há muito tempo.

 

Eu não tenho nenhuma passagem criminal. Meu carro já foi revistado na rua ai por várias vezes. Com essa que o delegado veio aqui em casa, já se foram 5 vezes que revistaram minha casa. Nunca encontraram nada. E, foram 12 anos construindo essa casa.

 

Reprodução

dom wagner

 

Notícia Max - A brincadeira das redes sociais é que a se a pessoa não pode comprar uma picanha. Cada um com seus problemas!

 

Dom Wagner - Fazer o que? Se você não pode comprar uma picanha? Eu tenho e você tem que entender e concordar. Infelizmente é assim. Se você não tem dinheiro para comer bem eu não tenho culpa. Eu como bem graças a Deus e não como comida requentada.

 

A carne é do dia. Sou enjoado. Nada de congelado. São seis açougues que me servem por aqui.

 

Eu também gosto de pizza. Calabresa e quatro queijos são as melhores. Filé a parmegiana. Eu almoço em casa e a noite todos para rua. Eu e a família.

 

Notícia Max – Senhor é de fato agiota? Ou se passa de um boato?

 

Dom Wagner – Eu não sou agiota e nunca fui. Isso é inveja.

 

A entrevista completa pode ser conferida no vídeo abaixo:

">

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 208 Dezembro de 2019

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados