PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Segunda-Feira, 09 de Dezembro de 2019, 09h:21
Tamanho do texto A - A+
ECONOMIA
ENTREVISTA DA SEMANA Twitter

Nelson Soares Junior: “O consumidor cuiabano terá total segurança para fazer suas compras no período natalino no Centro Histórico de Cuiabá”

Por: Rayane Alves

 

O comércio tem boas perspectivas para as vendas do final de ano, que devem superar um crescimento de 5% em relação ao ano passado. A análise é do presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Cuiabá (CDL Cuiabá), Nelson Soares Junior, que em entrevista ao Notícia Max, ainda faz uma avaliação da Black Friday, a expectativa quanto a contratação de trabalhadores temporários neste final de ano e garante que os consumidores terão tranqüilidade para fazerem as compras no Centro Histórico de Cuiabá.

 

Notícia Max - Qual a expectativa do comércio para fim do ano?

 

Nelson Soares Junior – A nossa expectativa para o final do ano é muito boa, os últimos números divulgados pelo governo, principalmente com o crescimento do PIB no terceiro trimestre, mais a política de devolução do FGTS e a perspectiva de que o aumento de emprego continue, diminuindo o número de desempregados, favorece que tenhamos uma boa perspectiva para este final de ano, esperando superar um crescimento acima de 5% em relação ao ano passado.

 

Notícia Max – Qual a avaliação em relação aos consumidores neste ano? Superou a expectativa já que nos últimos anos o mercado estava em crise?

 

Nelson Soares Junior – Em relação aos consumidores, se superou as expectativas dos últimos anos porque vínhamos em crise, lógico, estamos vindo desde 2016, 2017 e 2018 atravessando um período de bastante turbulência, em 2019 parece que estamos colocando a casa em ordem e as coisas estão melhorando, então esperamos que na ótica do consumidor os indicadores mostram que ele está aumentando a confiança, está mais seguro em relação a não perder emprego, às incertezas do futuro e isso faz com que ele fique mais predisposto às compras.

 

Notícia Max -  Qual a avaliação ao dia 29 de novembro, data em que foi realizada a Black Friday. Superou a expectativa de vendas? Precisa maior investimento do empresário em relação a campanha?

 

Nelson Soares Junior – A Black Fiday deste ano bateu todos os recordes, estamos super animados com os resultados do mês de novembro porque vai ter um impacto bastante positivo e acredito que a cada ano que passa os empresários vêm se estruturando melhor e principalmente vêm sendo mais coerentes.

 

Aquilo que ouvíamos no passado, de que na Black Friday o desconto não era real, isso tem acabado, os comentários diminuíram bastante, as queixas no Procon diminuíram bastante, e acredito que é uma data que ficou já estabelecida e que vai fazer sucesso por muito tempo.

 

Notícia Max  – Como recebeu a informação do reforço do policiamento na segurança dos comerciantes e clientes na região central?

 

Nelson Soares Junior – A segurança no Centro Histórico de Cuiabá é uma reivindicação antiga, e a gente vem participando dela ao longo dos anos, o comércio sempre nos cobra isso e felizmente temos tido total apoio do comando geral da Polícia Militar nessas ações.

 

Esse ano houve o aumento do efetivo, colocando uma quantidade de policiais de diferentes modelos de atuação. Vamos ter policial andando a pé, policial de motocicleta, policial de bicicleta, policial de viatura, então mais uma vez com certeza o consumidor cuiabano terá total segurança para fazer suas compras no período natalino no Centro Histórico de Cuiabá.

 

Notícia Max - Como está a contratação de pessoas nas vagas temporárias para às vendas de fim de ano? Quais os requisitos para preencher a vaga e qual o setor que deve mais contratar?

 

Nelson Soares Junior – A contratação de vagas temporárias nós também imaginamos que deva ser bastante superior a do ano passado, visto que a demanda está aquecida e temos a perspectiva de vender mais e consequentemente vamos contratar mais.

 

Com relação aos requisitos para preencher as vagas, eu acho que esse é um momento muito oportuno para aquele que está procurando o seu primeiro emprego. As lojas não têm uma exigência muito grande e aí vai depender muito mais da pessoa, de se demonstrar proativa, querendo transformar essa vaga temporária numa vaga efetiva no início do ano, e é uma grande oportunidade para esses jovens.

 

Eu acho que o setor que vai contratar mais é o de lojas de confecção, calçados e de eletrodomésticos, que são as lojas que tradicionalmente mais vendem na época natalina.

 

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 210 Dezembro de 2019 ( EDIÇÃO ESPECIAL

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados