Cuiabá, 19 de Julho de 2024
Notícia Max
19 de Julho de 2024

AGRONEGÓCIO Quarta-feira, 10 de Julho de 2024, 08:37 - A | A

Quarta-feira, 10 de Julho de 2024, 08h:37 - A | A

PRODUTIVIDADE MÁXIMA

Vencedor do Cesb produziu 138,95 sacas de soja/ha; veja os campeões regionais

Décimo sexto Fórum Nacional de Máxima Produtividade de Soja contou com mais de seis mil inscritos e foi transmitido ao vivo pelo Canal Rural

CANAL RURAL

O 16º Desafio Nacional de Máxima Produtividade de Soja foi realizado na manhã desta quinta-feira (4), diretamente da sede do Canal Rural em São Paulo. O evento é organizado pelo Comitê Estratégico Soja Brasil (Cesb) e contou com mais de seis mil inscritos espalhados em, aproximadamente, 1.100 municípios de 20 estados.

O objetivo é o de celebrar as conquistas de sojicultores e consultores na safra 2023/24, mostrando que níveis produtivos que, anos atrás, eram apenas imagináveis, hoje são possíveis de alcançar e superar, tudo com base em sustentabilidade e rentabilidade.

“O concurso abrangeu 3,9 milhões de hectares, com mais de 980 áreas auditadas, sendo que 481 produziram mais de 90 sacas por hectare. São números impressionantes que mostram o engajamento do sojicultor e o espírito competidor, resiliente e dedicado de todos”, ressalta o presidente do Cesb, Marcelo Habe.

Assim, troféus de máxima produtividade foram entregues para representantes de cada região brasileira. A curiosidade desta edição é que o vencedor nacional do ano passado conquistou, hoje, o prêmio da Região Sudeste.

Além disso, há uma novidade neste ano: o Troféu de Máxima Ecoeficiência, entregue a cada um dos campeões em reconhecimento ao desempenho ambiental da produção.

O título desta edição foi para o produtor Karl Milla e o consultor Rafael Managó, da Fazenda Mariedda, em Candói, no Paraná. Eles alcançaram a impressionante marca de 138,95 sacas por hectare na área auditada.

A propriedade conta com 5.681 hectares, dos quais 1.509 são dedicados à soja. Nesta safra, a média produtiva de toda a área cultivada com a oleaginosa foi igualmente impressionante: 93,75 sacas.

De acordo com o produtor, os diferenciais para a conquista foram a rotação de culturas, a escolha da cultivar e semeadura na época ideal, a qualidade físico-química do solo, além do monitoramento constante e o suporte e assistência técnica.

O número obtido de produtividade campeã deste ano é 3,3% superior ao alcançado na 15ª edição do Fórum Nacional de Máxima Produtividade de Soja, quando o campeão atingiu 134,46 sacas de soja por hectare.

Campeão Nacional – Categoria Irrigada

CESB - Campeão Categoria Irrigada

Marca obtida: 133,79 sacas de soja por hectare
Propriedade: Fazenda Fratelli
Estado: São Paulo (Itapeva)
Vencedores: produtor Silvio Maluta e o consultor Robson Diogo Ribeiro dos Santos

Marca obtida: 137,28 sacas de soja por hectare
Propriedade: Fazenda Congonhal
Estado: Minas Gerais (Região de Nepomuceno)
Vencedores: produtor João Lincoln e o consultor Gerson Justo

Região Centro-Oeste

CESB - Campeão Centro-Oeste Soja

Marca obtida: 119,03 sacas de soja por hectare
Propriedade: Fazenda Reunidas
Estado: Goiás (Rio Verde)
Vencedores: produtor Ênio Jablonski (Grupo Reunidas Baumgart) e o consultor Fernando Almeida

Região Nordeste

CESB - Campeão Região Nordeste

Marca obtida: 117,04 sacas de soja por hectare
Propriedade: Fazenda Aliança
Estado: Piauí (Baixa Grande do Ribeiro)
Vencedores: produtor Ralf Karly e o consultor Luiz Gabriel de Morais Junior

Região Norte

CESB - Campeão Região Norte

Marca obtida: 104,42 sacas de soja por hectare
Propriedade: Fazenda Fronteira
Estado: Tocantins (Região de Mateiros)
Vencedores: produtor Márcio da Cunha (Grupo Ilmo da Cunha) e o consultor Luciano Biancini

As apresentações com os detalhes de produção de cada um dos vencedores estará disponível no site do Cesb ao longo do dia.

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários