Cuiabá, 18 de Maio de 2024
Notícia Max
18 de Maio de 2024

CIDADES Segunda-feira, 19 de Dezembro de 2016, 14:55 - A | A

Segunda-feira, 19 de Dezembro de 2016, 14h:55 - A | A

RONDONÓPOLIS

Médicos não conseguem tirar agulhas da cabeça de bebê vítima de ritual

G1

AGULHAS

Equipe médica tentou e não conseguiu retirar agulhas do corpo do bebê (Foto: Divulgação)

 

O bebê de 3 meses, que supostamente foi vítima de um ritual religioso autorizado pelos pais, está internado há seis dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica da Santa Casa de Rondonópolis, a 218 km da capital. No ritual, três agulhas de metal foram colocadas na cabeça do bebê e uma agulha no abdômen. Um novo boletim médico foi divulgado nesta segunda-feira (19).

 

Quatro pessoas foram presas pelos maus-tratos, entre elas o pai do bebê. A família mora em São Pedro da Cipa, a 149 km de Cuiabá. A mãe da criança, que tem 17 anos, foi a quinta responsabilizada e acabou detida na semana passada.

De acordo com os médicos da Santa Casa, a menina foi submetida a uma segunda cirurgia na sexta-feira (16), para drenagem e uma nova tentativa de se retirar as agulhas.

Porém, o procedimento não teve sucesso por conta de risco de sangramento e lesão no cérebro do bebê. A menina está respirando sem ajuda de aparelhos, recebe alimentação e passa por uma observação rigorosa da equipe médica. O bebê está sob a guarda do Conselho Tutelar

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários