Cuiabá, 22 de Junho de 2024
Notícia Max
22 de Junho de 2024

CIDADES Segunda-feira, 14 de Junho de 2021, 15:53 - A | A

Segunda-feira, 14 de Junho de 2021, 15h:53 - A | A

COVID-19

Taxa de ocupação de UTI tem alta e secretário teme novo colapso

Em todo o estado, somente 37 leitos estão disponíveis

Redação

O secretário de Saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, disse nesta segunda-feira (14) que o estado está perto de um novo colapso enfrentando a pandemia da Covid-19. Sem vacinas suficientes e com a ocupação chegando muito próximo dos 100%, ele prevê que um novo colapso na rede hospitalar seja iminente

Boletim Epidemiológico divulgado no final da tarde de ontem (13) mostra que a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinados aos pacientes em estado grave com a doença está em 92,97%. Em todo o estado, somente 37 leitos estão disponíveis.

“Mais uma vez nós apelamos para você que não leva isso a sério: não é uma doença fácil. Os profissionais da saúde já estão exaustos e estão no colapso no atendimento. Se nós tivermos o novo estrangulamento de assistência hospitalar em Mato Grosso, muitas pessoas vão sofrer com isso”, lamentou.

Sobre a baixa adesão à vacina em Mato Grosso, o secretário atribui ao ceticismo dos moradores. “Muitos estão achando que vão ficar dentro da estatística que vai ser assintomática ou com sintomas leves. É triste ver que a população ainda não entende a gravidade que essa pandemia tem. Estão desvalorizando muitos aspectos da vida”, disse.

Segundo o secretário, o governo estadual vê os dados atuais com muita preocupação e vai continuar abrindo leitos de UTI. Nesta semana, pelo menos novos 20 no Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, e outros em Sorriso e Colider.

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários