Cuiabá, 19 de Julho de 2024
Notícia Max
19 de Julho de 2024

POLÍCIA Quarta-feira, 28 de Dezembro de 2016, 10:20 - A | A

Quarta-feira, 28 de Dezembro de 2016, 10h:20 - A | A

COLNIZA

Polícia Civil prende dupla de homicidas

Assessoria PCJ/MT

 

 

Dois homens investigados pela autoria de um homicídio foram presos pela Polícia Judiciária Civil, no município de Colniza (1.065 km a Noroeste), na manhã desta terça-feira (27.12), poucas horas após praticarem o crime.

 

Os suspeitos, Jefferson Lins Duarte, 22, conhecido como “Jefinho”, e Moises Santos Zerbinato, 29, foram autuados em flagrante por homicídio doloso.

 

As diligências iniciaram na noite de segunda-feira (26.12), após a Polícia Civil ser acionada para atender ocorrência de um corpo jogado às margens da estrada. No local, a vítima Edson Peres de Assis foi encontrada sem vida e apresentando de dois a três golpes de arma branca na região do pescoço.

 

Diante dos fatos os investigadores de polícia procederam com as investigações e com base nas provas e indícios de autoria, conseguiram em menos de 24 horas identificar os dois envolvidos no crime. Conforme apurado, o homicídio foi cometido por volta do meio-dia.

 

Depois de desaparecer, o primeiro suspeito Moisés, foi surpreendido no inicio da manhã desta terça-feira (27), quando chegava a sua residência. Ao perceber a presença dos policiais civis ele tentou fugiu em uma motocicleta, mas foi detido aproximadamente 400 metros de distância da casa.

 

Questionado, o investigado acabou confessando o crime praticado juntamente com Jefferson, que foi localizado pela equipe da Polícia Civil, e também admitiu a participação na ação criminosa.

 

Em seguida, os dois suspeitos levaram os policiais até um matagal, onde foi apreendida a faca usada no homicídio com manchas de sangue. Também foi localizada uma corda utilizada para asfixiar a vítima.

 

Conduzidos à Delegacia de Polícia, ambos foram interrogados pelo delegado de polícia Marco Bortolotto Remuzzi, e autuados em flagrante por homicídio doloso.

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários