Cuiabá, 21 de Maio de 2024
Notícia Max
21 de Maio de 2024

CIDADES Segunda-feira, 20 de Junho de 2016, 09:38 - A | A

Segunda-feira, 20 de Junho de 2016, 09h:38 - A | A

VOO INTERNACIONAL

Governo de MT e Azul assinam protocolo de intenções para voo entre Cuiabá e Santa Cruz

Da Assessoria

REPRODUÇÃO

 

 

O governador Pedro Taques e o secretário adjunto de Turismo, Luis Carlos Nigro, assinaram na sexta-feira (17) com a empresa Azul Linhas Aéreas um protocolo de intenções para estudos e viabilização de uma nova rota de voo entre Cuiabá e Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. A ação é fruto da Caravana da Integração, expedição realizada pelo Governo de Mato Grosso pela Bolívia, Chile e Peru na busca do fortalecimento da ligação do Estado com os países do Oeste da América do Sul.

 

Em São Paulo Taques esteve reunido com o presidente da holding Azul, José Mário Caprioli; com o diretor de planejamento da Azul Viagens, Marcelo Bento; e o presidente executivo da empresa, Antonoaldo Neves. Na oportunidade, também foi assinado o protocolo de intenções para a criação de um voo entre Cuiabá e Barra do Garças (509 km a Leste da capital).

 

Segundo o governador, os dois voos podem receber incentivos do Governo do Estado, por meio do programa Voe MT, criado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec) e que proporciona a redução da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na compra de querosene de aviação para os voos regionais.

 

Taques destaca que o aeroporto Marechal Rondon já está apto a receber voos internacionais desde meados de abril. Para o governador, a ligação com Santa Cruz de La Sierra é prioridade para Mato Grosso por conta da estratégia de fortalecimento da economia com o Departamento de Santa Cruz.

 

Segundo o governador Taques, o presidente da Azul garantiu que em pouco tempo a empresa confirmará a linha entre Mato Grosso e Santa Cruz de La Sierra. O voo, segundo o governador, poderia ser uma alternativa para embarques de mato-grossenses para os Estados Unidos e Europa.

 

Para Luis Carlos Nigro, o voo proporciona o fortalecimento do turismo de Mato Grosso e o desenvolvimento econômico do estado. “Integração é a palavra de ordem do programa Voe MT, destinado ao incentivo de empresas aéreas que operam em Mato Grosso. Nossa ideia é integrar todos os municípios mato-grossenses e integrar nosso estado com a América do Sul. Hoje tivemos esse importante avanço com a Azul. Vamos trabalhar para lançar o mais breve possível esse voo”, reforçou Nigro.

 

A partir de agora, a Azul Linha Aéreas fará um estudo de viabilidade de implantação da linha. Em seguida, buscará a liberação do voo por parte da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e com o governo boliviano.

 

Neste mês, a Azul Linhas Aéreas iniciou a operação da empresa com voos regulares para Sorriso (520 km ao norte de Cuiabá). Durante o encontro com a diretoria da empresa, Taques e Nigro agradeceram a confiança que a companhia aérea tem o com Estado.

 

Voe MT

 

O programa do governo para incentivar voos regionais prevê a redução de 20% do ICMS sobre o querosene de aviação para empresas que operam com voos regulares para, no mínimo, dois municípios do Estado. Empresas que operam com voos regulares em quatro municípios têm redução de 50% no ICMS do combustível. A porcentagem sobe para 60% para operação em cinco municípios.

 

A partir de seis municípios, a redução será de 72% no ICMS do querosene e 84% para empresas que operam em sete ou mais municípios com voos regionais.

 

Para voos internacionais, o Voe MT prevê a isenção da alíquota do ICMS nas saídas de combustível e lubrificantes para abastecimento de aeronaves com destino ao exterior, considerando que um município mato-grossense seja a origem, conexão ou destino.

 

Também participaram da reunião na Azul o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado estadual Guilherme Maluf, e o deputado federal Fábio Garcia.

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários