Cuiabá, 21 de Maio de 2024
Notícia Max
21 de Maio de 2024

CIDADES Sexta-feira, 25 de Novembro de 2016, 08:45 - A | A

Sexta-feira, 25 de Novembro de 2016, 08h:45 - A | A

SAIBA COMO FUNCIONA

Mais barato que táxi, Uber opera nesta 6ª - Veja vídeo

GD

uber

Reprodução

A empresa Uber passa a operar em Cuiabá a partir das 14h desta sexta-feira (25). A Capital de Mato Grosso é a 32ª cidade no Brasil em que o aplicativo é oferecido.

 

O aplicativo conecta os parceiros que colocam os serviços de motorista particular à disposição com os "clientes que buscam segurança, agilidade e melhor preço em seus deslocamentos".

 

A quantidade de motoristas que irá atuar na Grande Cuiabá não é revelada pela assessoria da Uber, empresa com origem nos Estados Unidos. Mas a gerente de Comunicação, Letícia Mazon, garante que em todo país são 50 mil condutores atuando com o aplicativo e 4 milhões de clientes distribuídos pelos 5 continentes.

 

Para usar o transporte basta baixar o aplicativo no celular e se cadastrar. O pagamento é feito mediante débito em cartão de crédito. Mais em conta que táxi, o custo do quilômetro é de R$ 1,20, acrescido ao valor da chamada que é de R$ 2,50. Caso o cancelamento da corrida seja feito em até 5 minutos após o pedido, o cliente fica isento do pagamento. O cliente ainda tem um cálculo prévio do valor da corrida, antes da contratação.

 

Já, o motorista parceiro recebe 75% do valor total da corrida, transferidos semanalmente para sua conta.

 

Segurança - Letícia explica que uma das grandes preocupações é com a segurança, tanto do cliente que vai ser conduzido como dos parceiros que vão operar o sistema.

A empresa Uber passa a operar em Cuiabá a partir das 14h desta sexta-feira (25). A Capital de Mato Grosso é a 32ª cidade no Brasil em que o aplicativo é oferecido.

 

O aplicativo conecta os parceiros que colocam os serviços de motorista particular à disposição com os "clientes que buscam segurança, agilidade e melhor preço em seus deslocamentos".

 

A quantidade de motoristas que irá atuar na Grande Cuiabá não é revelada pela assessoria da Uber, empresa com origem nos Estados Unidos. Mas a gerente de Comunicação, Letícia Mazon, garante que em todo país são 50 mil condutores atuando com o aplicativo e 4 milhões de clientes distribuídos pelos 5 continentes.

 

Para usar o transporte basta baixar o aplicativo no celular e se cadastrar. O pagamento é feito mediante débito em cartão de crédito. Mais em conta que táxi, o custo do quilômetro é de R$ 1,20, acrescido ao valor da chamada que é de R$ 2,50. Caso o cancelamento da corrida seja feito em até 5 minutos após o pedido, o cliente fica isento do pagamento. O cliente ainda tem um cálculo prévio do valor da corrida, antes da contratação.

 

Já, o motorista parceiro recebe 75% do valor total da corrida, transferidos semanalmente para sua conta.

 

Segurança - Letícia explica que uma das grandes preocupações é com a segurança, tanto do cliente que vai ser conduzido como dos parceiros que vão operar o sistema.

A blogueira Juliana Barros é adepta do Uber desde que foi implantado no Rio de Janeiro. Ela reside em Rondonópolis mas a família mora no Rio.

 

Entre as vantagens cita conforto e melhor preço. Deixou inclusive de locar veículos quando chega em uma cidade onde o aplicativo já é usado por ser mais seguro e ter custo menor.

 

Vídeo explica como baixar o aplicativo:

 

 

 

 

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

VÍDEO

0 Comentários