Cuiabá, 18 de Maio de 2024
Notícia Max
18 de Maio de 2024

POLÍCIA Terça-feira, 20 de Setembro de 2016, 16:30 - A | A

Terça-feira, 20 de Setembro de 2016, 16h:30 - A | A

PENITENCIÁRIA CENTRAL

Detento morre envenenado após beber "coquetel da morte"

Da Redação

Divulgação

 

O detento Antônio Paulo Xavier de Oliveira, de 26 anos, morreu por envenenamento no raio 4 da Penitenciária Central do Estado (PCE) na tarde desta terça (20), em Cuiabá. A suspeita é de que ele tenha ingerido uma mistura de água e cocaína conhecida como “gatorade”, preparada por outros detentos.

Ainda conforme informações, um grupo de detentos rivais forçou Antônio a ingerir a substância, que causou a morte pouco tempo depois. O assassinato teria ocorrido devido à disputa pelo mercado de tráfico de drogas dentro da unidade prisional. 

O corpo do presidiário, ficou no refeitório até a chegada Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e a Polícia Civil para procedimentos.

Antônio estava preso na unidade desde 2012, onde cumpria pena pelo crime de roubo à mão armada.

A Penitenciária Central do Estado (PCE), maior presídio em Mato Grosso, abriga uma população de 2.114 presos em espaço que deveria abrigar apenas 851; superlotação duas vezes e meia acima do planejamento do prédio.  

 

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários