Cuiabá, 19 de Maio de 2024
Notícia Max
19 de Maio de 2024

POLÍTICA & PODER Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016, 16:40 - A | A

Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016, 16h:40 - A | A

CIDADANIA

AL Itinerante encerra 2016 com mais de 30 mil atendimentos em sete polos de MT

Da Redação

 

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso encerrou as atividades do programa Assembleia Itinerante 2016, ontem (8.11), em Cáceres (distante 222 quilômetros de Cuiabá) - 7ª cidade a receber os serviços neste ano.

De acordo com a Presidência da Assembleia, nesta edição foram realizados 5 mil, dos mais de 30 mil atendimentos registrados ao longo de 2016. Foram disponibilizados atendimentos da Defensoria Pública, Procon, cursos do Sesi/Senai, ingresso ao programa Bolsa Família, vacinação, odontologia, tratamentos de beleza e emissão de Carteira de Trabalho, RG (Registro Geral) e CPF (Cadastro de Pessoa Física). Também foi realizada a reunião com a classe política e empresarial da região oeste e uma sessão solene com entrega de títulos de cidadania e moções de congratulações.

O deputado Dr. Leonardo (PSD), ao abrir os trabalhos na manhã de quinta-feira (08) na Escola Estadual Desembargador Gabriel Pinto de Arruda, disse que “é uma satisfação ter a Assembleia Legislativa como presença efetiva junto à sociedade". O parlamentar, que tem base eleitoral na região, lembrou que Cáceres é uma cidade histórica e importante e que ficou desassistida por anos, tendo seu desenvolvimento retomado com um com conjunto de ações como a ZPE (Zona de Processamento de Exportação de Cáceres), a hidrovia Paraguai-Paraná,  pavimentação asfáltica de ruas e discussão sobre o Centro de Atendimento ao Turista.

“Estou muito contente em ser o primeiro a ser atendido e ver que a Assembleia trouxe para Cáceres muitos serviços. É importante isso, pois eu precisava da Carteira de Identidade e não tinha tempo para fazer,  além de custar caro”, disse Antônio Gomes da Silva, morador da rua Sete Copas, no bairro Massabá, em Cáceres,  e que também decidiu passar no dentista dentro do "Assembleia Itinerante". 

Á tarde, durante reunião na Câmara Municipal de Cáceres, lideranças políticas e comunitárias debateram as principais necessidades regionais: conclusão da ZPE, ferrovia, hidrovia, rodovias, reformas e construção de novas escolas, manutenção do hospital regional e ampliação de leitos, melhoria das áreas de saúde, segurança pública e outras ações sociais. O prefeito de Cáceres, Francis Mares, resumiu o pensamento dos que falaram na audiência. “É importante os poderes Legislativo e Executivo estarem imbuídos dos mesmos ideais para, assim, fazer o desenvolvimento acontecer”. 

O deputado Wancley Carvalho (PV) lembrou que a região oeste é importante no cenário político, econômico e turístico por suas terras e rodovias que viabilizam o desenvolvimento do estado. Para ele, o AL Itinerante é importante porque chama os poderes a unificar o discurso  e se unir para que a região possa ser o novo centro de desenvolvimento de Mato Grosso. O suplente Adriano Silva (PSB) resumiu seu discurso em “a AL sai da sua sede, em Cuiabá, e vem até onde estão as demandas. É um espaço importante para fazer interlocução com a população e levar isso ao governador Pedro Taques”, disse.

Já no período noturno de quinta foi realizada uma sessão solene para a entrega de títulos de cidadão mato-grossense e de moções de congratulação a personalidades que trabalham ou trabalharam pelo desenvolvimento do oeste de Mato Grosso.

A senhora Rosa Venturine, que é proprietária de escolas,  falou em nome dos homenageados e disse que é um reconhecimento da AL que reforça a vontade de trabalhar por Cáceres e região. Já o homenageado Joaquim Francisco da Costa Neto disse que reside em Cáceres há 25 anos, atua no ramo de engenharia e construção civil, e agora sente as forças renovadas em razão do reconhecimento.

Além de Cáceres, participam desta edição do projeto os municípios de Curvelândia, Lambari D'Oeste, Rio Branco, Salto do Céu, Reserva do Cabaçal, Araputanga, São José dos Quatro Marcos, Mirassol do Oeste, Vila Bela da Santíssima Trindade, Pontes e Lacerda, Vale do São Domingos, Jauru, Figueirópolis do Oeste, Porto Esperidião, Glória do Oeste e Indiavaí.

Esta foi a 7ª edição do Assembleia Itinerante, que já esteve em Comodoro, Rondonópolis, Sinop, Tangará da Serra,  Várzea Grande e Diamantino. Por todas as localidades em que passou, os participantes da ação receberam reivindicações que serão compiladas num documento final para embasar a criação de políticas públicas. Seja por meio de requerimentos, indicações ao governo, emendas em futuras mensagens do Executivo ou criação de novos projetos de lei ou programas, a ideia é levantar informações sobre as necessidades de cada região e futuramente auxiliar a criação de novas obras que regionalizem os atendimentos e contribuam com o crescimento dos municípios.

O programa Assembleia Itinerante volta em 2017 com a previsão de mais 10 edições, totalizando 17 eventos espalhados pelos polos que encampam os 141 municípios mato-grossenses.

 

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários