Cuiabá, 24 de Junho de 2024
Notícia Max
24 de Junho de 2024

POLÍTICA & PODER Terça-feira, 08 de Junho de 2021, 11:31 - A | A

Terça-feira, 08 de Junho de 2021, 11h:31 - A | A

ATUALIZAÇÃO DO FETHAB

AMM prorroga prazo para envio de informações

O mapa, que deve ser encaminhado impresso e em mídia digital, deve conter o levantamento das estradas municipais e estaduais não pavimentadas

Redação

A Associação Mato-grossense dos Municípios prorrogou para 5 de julho o prazo para que os municípios enviem informações para a atualização do Índice de Participação dos Municípios no Fethab – IPMF, que estabelece a divisão dos valores entre as prefeituras. O índice é calculado anualmente pela AMM e o trabalho é realizado pela Comissão do IPMF, composta por quatro membros.

Para auferir o índice do Fethab é necessário que cada município envie à Comissão do IPMF o mapa contendo as estradas municipais e estaduais não pavimentadas, acompanhadas de Anotação de Responsabilidade Técnica – ART.

O presidente da AMM, Neurilan Fraga, ressaltou que os municípios que não apresentarem os dados poderão ter prejuízo no IPMF e, consequentemente, no repasse dos recursos. “Essa atualização é muito importante e é feita com todo o critério para que os dados retratem a realidade local, de modo que a distribuição dos recursos seja justa e compatível com as demandas municipais”, frisou.

O mapa, que deve ser encaminhado impresso e em mídia digital, deve conter o levantamento das estradas municipais e estaduais, não pavimentadas, a data do levantamento, o nome do responsável técnico e ART, a legenda com informações individualizadas sobre as rodovias federais, estaduais e municipais, entre outras informações. A comissão é presidida pela coordenadora jurídica da AMM, Débora Simone Rocha Faria.

Os municípios começaram a receber os recursos do Fethab em março de 2015, após o Supremo Tribunal Federal decidir favoravelmente à ação interposta pela AMM para o repasse dos recursos, que estava suspenso por meio de liminar. A partilha dos recursos com os municípios era um direito assegurado através de projeto de lei aprovado por unanimidade na Assembleia Legislativa.

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários