Cuiabá, 28 de Maio de 2024
Notícia Max
28 de Maio de 2024

POLÍTICA & PODER Terça-feira, 11 de Outubro de 2016, 17:09 - A | A

Terça-feira, 11 de Outubro de 2016, 17h:09 - A | A

NOVO ALIADO

PDT oficializa apoio e Emanuel diz que críticas de Julier são “águas passadas”

Da Redação

soria

 

O PDT agora passa a integrar o projeto “Um Novo Prefeito. Para Uma Nova Cuiabá”. O apoio político foi firmado em reunião da Executiva Estadual na noite desta segunda-feira (10) e oficializado na tarde de hoje (11), em entrevista coletiva à imprensa. 

O anúncio, no entanto, não contou com a presença do ex-juiz federal Julier Sebastião, que representou o PDT no primeiro turno das eleições municipais e alcançou 23.307 votos. Conforme Zeca Viana, Julier  não esteve presente porque está viajando. O deputado afirma que o ex-magistrado ainda deverá se posicionar sobre o apoio no segundo turno.

 “Sinto-me honrado em receber o apoio deste partido tradicional da política brasileira, que já foi liderado por figuras históricas como Leonel Brizola e Darcy Ribeiro, assim como pelos ideais de luta pelos direitos dos trabalhadores”, considerou Pinheiro.

O presidente da Executiva Estadual do PDT, o deputado estadual Zeca Viana, avaliou que, apesar da derrota no primeiro turno, a sigla saiu vitoriosa do processo eleitoral. “Não obtivemos êxito, mas agora cabe a nós trabalharmos pelo melhor nome neste segundo turno para administrar Cuiabá. Não temos dúvida de que Emanuel é o nome que os cuiabanos almejam nesse segundo turno, pois ele representa inovação, renovação e modernidade. Não podemos olhar mais pelo retrovisor. Não podemos retroceder”, destacou Zeca.

Sobre as críticas recebidas de Julier ainda no primeiro turno, o peemedebista Emanuel diz que “são águas passadas”. O candidato ainda aproveitou a oportunidade para pedir a Zeca permissão para agregar as propostas de Julier no seu plano de governo.

Em carta aos filiados, o presidente do PDT ainda se manifestou:

 “O governo do estado, principal cabo eleitoral do candidato Wilson santos, não cumpriu a agenda prometida na campanha de 2014, de que, se eleito, iria valorizar o servidor e retomar o crescimento do estado. O que temos hoje são denúncias e investigações de corrupção na Educação, paralisia de hospitais por falta de repasses e pagamento de obras paralisado, estrada sem manutenção e aumento crescente da falta de investimento em todos os setores [...] Entende o PDT, que por representar esse modelo de gestão, o candidato Wilson Santos não  reúne as condições para ser o futuro prefeito de Cuiabá e não aceita que esse modelo seja aplicado na capital, causando atraso na gestão municipal”.

 

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários