Cuiabá, 19 de Julho de 2024
Notícia Max
19 de Julho de 2024

AGRONEGÓCIO Terça-feira, 13 de Dezembro de 2016, 10:45 - A | A

Terça-feira, 13 de Dezembro de 2016, 10h:45 - A | A

TECNOLOGIA NO CAMPO

Senar-MT lança treinamento sobre operação de drones na agropecuária

GECOM SENAR-MT

 

O uso de Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs), mais conhecidos como drones, está crescendo cada vez mais na agricultura. O interesse crescente de produtores rurais pela tecnologia se explica pela influência positiva em dois fatores essenciais para a atividade: produtividade e custo. O equipamento capta imagens que permitem conferir in loco quais áreas têm doenças ou pragas.

Devido ao crescimento do uso destes equipamentos na agropecuária, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (SENAR-MT) formatou um treinamento voltado para a operação de drones.

Este treinamento será realizado exclusivamente nos Centros de Treinamento e Difusão Tecnológica de Sorriso e Campo Novo do Parecis a partir do próximo ano. (Sorriso – 66-99909-3753 – Campo Novo do Parecis - 66-99645-7916)

A carga horária é de 16 horas, sendo que 70% disso são de aulas práticas e para participar é preciso ter 18 anos e ensino fundamental completo. O treinamento, assim como todos os ofertados pelo SENAR-MT é totalmente gratuito.

Conteúdo - Serão abordados assuntos como definição do equipamento VANT; origem e evolução tecnológica dos VANTs; boas práticas para voo de drone; legislação vigente; regras da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC); componentes de um drone; utilizações de drones; função do drone na empresa rural; agricultura com uso da tecnologia de VANTs; drone na agricultura e uso de drone e prática: operação de drone.

O SENAR-MT faz parte de um conjunto de entidades que forma o Sistema Famato. Essas entidades dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio e representam os interesses dos produtores rurais do Estado. É formado ainda pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), pelo Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea) e pelos 89 Sindicatos Rurais do Estado.

 

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários