Cuiabá, 13 de Junho de 2024
Notícia Max
13 de Junho de 2024

CIDADES Segunda-feira, 03 de Maio de 2021, 08:19 - A | A

Segunda-feira, 03 de Maio de 2021, 08h:19 - A | A

SUPERAÇÃO

Empresária Edy Bravo: “Postura firme diante do mercado é resultado de um trabalho árduo de consolidação da marca Fly Park”

A proprietária do Fly Park, Edy Bravo, comemora a volta aos trabalhos após um longo período de suspensão e acredita em um crescimento significativo do setor no município

Redação

Com foco voltado ao público infantil, o Buffet Fly Park, que possui duas unidades instaladas na Capital, é um dos exemplos de empresas do setor que sobreviveram à crise financeira provocada pela Covid-19 e retorna gradativamente ao novo normal.

No dia 17 de abril, o prefeito Emanuel Pinheiro publicou o decreto municipal nº 8392/2021, que permite a retomada do setor com horário de funcionamento das 07h às 22h, de segunda-feira a sábado, inclusive feriados, com 30% da capacidade máxima de lotação, seguindo as medidas de biossegurança.

A proprietária do Fly Park, Edy Bravo, comemora a volta aos trabalhos após um longo período de suspensão e acredita em um crescimento significativo do setor no município.

Eu nunca desanimei. Amo o que eu faço. Peço aos colegas que continuem otimista

“Acredito sim, com certeza. Sabemos que hoje vai ser algo gradativo, ou seja, não vem com aquela força que a gente tinha há um ano, mas a nossa Capital é bem promissora, acredito muito”, disse ao Notícia Max.

Segundo a empresária, a fase é de adaptação devido as mudanças ocasionadas pela crise sanitária e a opção encontrada pela maioria dos pais consiste no reagendamento das festas até mesmo para o ano seguinte.

“Temos muitas mães que preferem ir para 2022, pois a data do aniversário de seus filhos já se passou, então realmente não tem mais lógica fazer dentro desse ano”, completou.

Conforme Edy, houve também uma redução no número de contratos fechados e atualmente ela funciona com uma agenda ainda tímida de 50% em comparação ao movimento do ano anterior.

“Apesar das paralisações, eu acredito muito em nosso retorno, nas vendas de nosso Estado. Eu não sinto que hoje meu público perdeu a vontade de fazer festa, pelo contrário, ele se sente seguro e sente volta de fazer festas sim”, pontuou.

Em contrapartida, ela afirma que o empecilho ainda visto pelos empresários é a restrição na escala de funcionamento, principalmente aos domingos, que passou a ser apenas das 07h às 12, e espera uma flexibilização maior das normas impostas.

“Se nós tivéssemos um decreto que fosse até às 23h pelo menos. Hoje o que nos atrapalha dentro de eventos são os horários que ainda estão impactando muito. Se a gente conseguisse um decreto, faríamos eventos todos os dias”, argumentou.

Sobre as perspectivas para o futuro, a empreendedora espera que haja um grande fortalecimento do ramo e frisa que sua postura firme diante do mercado é resultado de um trabalho árduo de consolidação de sua marca, por meio da realização de sonhos.

“Eu nunca desanimei. Amo o que eu faço. Peço aos colegas que continuem otimistas, sonhando, acreditando nosso ramo, pois realizamos sonhos e a gente tem que viver o sonho de cada cliente”, concluiu.

Para saber mais sobre o Buffet Fly Park basta acessar o perfil no Instagram: @bufftflypark.

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários