Cuiabá, 19 de Julho de 2024
Notícia Max
19 de Julho de 2024

CIDADES Quarta-feira, 21 de Dezembro de 2016, 15:42 - A | A

Quarta-feira, 21 de Dezembro de 2016, 15h:42 - A | A

FUNCIONALIMO MUNICIPAL

Prefeitura de Cuiabá paga salário na próxima sexta

Da Redação

 

A prefeitura de Cuiabá vai antecipar o pagamento do salário de dezembro nesta sexta-feira (23), sete dias antes do último dia útil do mês. A antecipação encerra a gestão do prefeito, que sempre foi marcada pelo respeito e valorização dos 18 mil servidores municipais.

Segundo o prefeito, o pagamento dos salários dentro do mês trabalhado sempre foi prioridade durante todos os 48 meses de gestão, mesmo com a crise econômica que atinge inúmeros estados e municípios brasileiros. Neste mês, a folha de pagamento é de aproximadamente R$ 43 milhões, em valores líquidos.

“Nós cumprimos o nosso compromisso com os servidores. Pagamos 100% das folhas em dia e  concedemos todas as reposições inflacionárias. Creio que isso foi um ganho importante para os servidores e para o município, porque salário em dia e condições de trabalho estimulam os servidores a desempenhar melhor o seu papel na administração pública”, afirmou o prefeito.

Além do pagamento do salário antecipado, a Prefeitura de Cuiabá também antecipou o 13º salário que poderia ser pago até o dia 20, mas caiu na conta dos servidores quatro dias antes.  Somente em dezembro, o município destinou R$ 92 milhões para o pagamento das obrigações trabalhistas.

De acordo com o secretário municipal de Gestão, Eroaldo de Oliveira, as medidas são reflexos de uma boa administração, que reconhece os servidores como principal patrimônio da Prefeitura de Cuiabá e atua na busca por estimular o fomento da economia local, especialmente nesta época de crise.

“Pagar os servidores que vão colocar o dinheiro para circular neste momento tão delicado, melhora a possibilidade de o comércio ter um maior lucro e, consequentemente, o município ter maior arrecadação de impostos sobre serviços. É o governo intervindo na renda, que volta ao mercado e depois volta para o governo através do imposto”, explicou.

 

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários