Cuiabá, 18 de Maio de 2024
Notícia Max
18 de Maio de 2024

POLÍCIA Segunda-feira, 07 de Novembro de 2016, 10:55 - A | A

Segunda-feira, 07 de Novembro de 2016, 10h:55 - A | A

1ª HABILITAÇÃO

Justiça de MT condena dois a prisão por fraude em exame para CNH

Da Redação

FOTO: ILUSTRAÇÃO

 

A juíza da Sétima Vara Criminal de Cuiabá Selma Rosane Arruda, condenou duas pessoas por fraudes na realização de exames teóricos de legislação de trânsito para candidatos à primeira habilitação. Uma terceira pessoa (um dos alunos), participante da fraude colaborou com a Justiça e obteve o perdão judicial.

 

O instrutor de auto-escola Hilton Raphael Zanin foi condenado a dois anos e quatro meses de prisão. Já o pintor Abadia Paes Proença, aluno que participou do esquema como contratante, foi condenado a dois anos e dois meses de prisão

 

Ambos tiveram a pena transformada em medidas restritivas, como prestação de serviços para a comunidade e limitação de final de semana. A terceira pessoa envolvida no caso o também aluno, Gesumar Chaves Rocha, obteve perdão judicial por colaborar com a Justiça.

 

A fraude consistia em burlar a realização do exame teórico, onde a aprovação é obrigatória para que se possa fazer as aulas práticas. G.C.R e A.P.P. fizeram por duas vezes a prova, mas foram reprovados em todas as tentativas. Foi então que perguntaram ao instrutor se poderiam ser aprovados sem ter que fazer uma nova prova.

 

O instrutor então acionou um analista de sistema e funcionário da empresa Thomas Greg & Sons Gráfica e Serviços, que prestava serviço, à época, na sede do Detran-MT. Em uma conversa prévia dos dois, na sede do órgão, o funcionário afirmou que “tinha um jeito de manipular o resultado do teórico”.

 

A manipulação era feita por pelo analista de sistemas, que trocava a foto no sistema pela de outra pessoa que faria o exame no lugar da pessoa que faria originalmente a prova. O dinheiro cobrado dos alunos era dividido entre o analista de sistemas e o instrutor. O analista ainda não foi julgado.

 

A decisão:

 

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários