Cuiabá, 23 de Maio de 2024
Notícia Max
23 de Maio de 2024

POLÍTICA & PODER Segunda-feira, 20 de Junho de 2016, 13:55 - A | A

Segunda-feira, 20 de Junho de 2016, 13h:55 - A | A

TUDO TEM LIMITE

Governador diz que não vai tolerar baderna durante greve

Da Redação

Gcom-MT/Mayke Toscano

 

Mais uma vez, o governador Pedro Taques (PSDB) voltou a afirmar que está aberto à negociação com os servidores em greve, porém, destacou ser contra o radicalismo dos servidores que vem realizando manifestações em frente a algumas secretarias, impedindo funcionários que não aderiram ao movimento grevista, de trabalhar.

“Nós não vamos tolerar violência por parte dos servidores que querem fazer baderna”, avisou o chefe do Executivo. Ele relembrou que a greve foi decretada ilegal pelo Poder Judiciário para algumas categorias.

Nesta linha, Taques ressaltou que os servidores que escolheram continuar trabalhando têm seu direito constitucional garantido, assim como os servidores grevistas. O chefe do Executivo fez questão de reforçar que fez várias reuniões com os grevistas e que as negociações estão abertas.

Os servidores estão em greve, em sua maioria, desde o dia 31 de maio reivindicando 11,28% de Reajuste Geral Anual (RGA), mas o governo concedeu 6% de reposição em três parcelas e se comprometeu em chegar ao total, mas sem especificar data. O Fórum Sindical rejeitou os 6% parcelados e fincou o pé em 11,28% já.

 

CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo para receber as últimas do Noticia Max.

0 Comentários